Social Selling

O indispensável Social Selling

O Social Selling tem como foco a criação de relacionamentos e geração de vendas por meio das redes sociais. Aqui, explicamos essa estratégia com mais detalhes, falamos qual é sua importância e vantagens. Continue a leitura!

 

O que é o Social Selling?

O Social Selling é um processo de captação de potenciais consumidores, com foco no desenvolvimento e construção de relacionamento para gerar vendas. Pode ser utilizado em diversas plataformas, como o Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn.

 

Qual a importância do Social Selling?

De acordo com o TIC (Tecnologias da Informação e da Comunicação) Domicílios de 2019, três em cada quatro brasileiros têm acesso à internet. Destes, 90% navegam todos os dias e o uso é mais concentrado em redes sociais.

Considerando que potenciais consumidores passam boa parte de seu tempo online em redes sociais, o Social Selling permite que a marca tenha uma estratégia diferenciada de venda exatamente onde seu potencial cliente está, ampliando a chance de fazer novos negócios.

Mas, não é só isso! Nas redes sociais é possível atender a demanda de consumidores cada vez mais exigentes que buscam conhecer a marca e construir um relacionamento com elas antes de fechar uma compra, o que contribui para o encantamento e fidelização.

Portanto, é uma das estratégias de marketing mais efetivas atualmente, desde que seja bem utilizada para maior captação, engajamento, construção de relacionamento e vendas.

 

Vantagens do Social Selling

O Social Selling é uma estratégia que proporciona vantagens especiais para a marca, que pode se beneficiar com:

  1. Construção de relacionamento confiável e duradouro com o consumidor e potencial cliente. As vendas, neste caso, são uma consequência desse relacionamento e mais naturais, sem abordagem invasiva;
  2. Maior alcance e de maneira econômica, de modo a ampliar a possibilidade de venda;
  3. Menos etapas no ciclo de vendas, pulando etapas de persuasão. Dessa forma, o processo de venda se torna mais curto, com abordagens mais assertivas, agilizando a realização de novos negócios;
  4. Retenção de clientes elevada, porque os consumidores já têm confiança na marca, algo que foi construído por meio do relacionamento nas redes sociais;
  5. Atração de possíveis clientes por baixo custo, uma vez que a empresa não precisa ter várias abordagens para chegar até o cliente. Isto acontece de maneira orgânica, sobretudo com a criação e disseminação de conteúdo.

 

Como implementar o Social Selling?

O segredo está em entender o funcionamento das redes sociais, o comportamento de seus seguidores nela e aproveitar a rapidez da interatividade proporcionada por essas ferramentas para se aproximar dos consumidores e gerar vendas.

Vale lembrar que não se trata de uma abordagem tradicional de venda, mas sim uma não invasiva, com oferecimento de conteúdo que traga engajamento, ajude a construir a credibilidade na marca e, como consequência, estimule o desejo de compra. É justamente aí que a empresa vende mais.

Precisa de suporte para implementar o Social Selling para sua marca? Então, conte com o apoio de uma agência de marketing digital para adotar essa estratégia com maior chance de sucesso e retorno!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *