Pesquisa em saúde baseada em Big Data

Uma iniciativa que visa promover a investigação em saúde baseada em dados para, assim, diagnosticar o estado de saúde em Portugal, detectar tendências de saúde e a elaboração de modelos preditivos que podem contribuir para os avanços científicos no campo da medicina. Todas as pesquisas e estudos elaborados no âmbito de Sanitas Data de Saúde estarão acessíveis para todos os interessados através da página web.

A Cada dia são gerados no mundo 2,5 trilhões de bytes de dados. 90% dos dados mundiais ocorreu durante os últimos dois anos. Um hospital gera centenas de megabytes de dados por dia. Esta realidade abre uma nova oportunidade, graças à análise de dados de saúde. Segundo a diretora executiva de Comunicação, RSC e Fundação Sanitas, Yolanda Erburu, “a partir de Sanitas, apostamos na investigação em saúde, baseada em dados através de técnicas de Big Data para contribuir para a gestão da saúde do futuro, que tem de ser participativa, personalizada, preditiva e preventiva”.
“A cessão de nossos dados para a pesquisa médica pode nos ajudar a transformá-los em informações úteis para a nossa saúde e a das nossas famílias, incentivando a prática de uma medicina de precisão. O compromisso de fazer um uso ético e responsável dos dados por parte de todos os atores envolvidos neste processo é um dos fatores-chave para o sucesso destas iniciativas”, diz Elias, Casado, diretor de Data